• Vida Produtiva
  • Hora de avaliar o ano de 2016!

    balanca-administrando-a-vida
    Imagem

    O ano de 2017 já está quase chegando e muitos já tem expectativas para o ano que se iniciará. Particularmente estou muito esperançosa de que seja um ano melhor para todos nós, inclusive para nós brasileiros que tivemos um 2016 bem tenso.

    Por falar em 2016, fim de ano é um ótimo momento para fazermos balanços e fechamentos, ou seja: é uma boa hora para avaliarmos como foi o seu ano, como foi o ano para você.

    Eu gosto muito de fazer fechamentos de períodos, não só do ano, mas faço do semestre e de fases mais específicas como fechamentos de ciclos. Eu tenho um caderno e, sempre que sinto necessidade de fazer alguma avaliação eu recorro a ele.

    Fica a dica de você escrever como foi seu ano. Caso você não queira escrever, pode fazer essa avaliação mentalmente, como preferir! O importante é avaliar!

    Eu gosto de escrever pois posso ler futuramente e comparar períodos, ver o que evolui, o que retrocedi e o que preciso e posso melhorar!

    Mas por onde começar? Muitas pessoas tem essa dificuldade: só lembram de situações ruins que ocorreram, outros só lembram de situações boas… considerando que em nossa vida tudo é aprendizado, tanto situações boas e ruins precisam ser levantadas nessa avaliação.

    Então, geralmente começo assim: listo em tópicos pontos positivos, pontos negativos e pontos de melhoria.

    Pontos positivos: São as coisas boas que você fez e que acontecera com você como oportunidades, realizações de sonhos, objetivos e metas, projetos que você iniciou, concluiu ou que estão em andamento, surpresas boas e até mesmo o “lado bom” de situações ruins, pois sempre tem “um lado bom”. Liste o máximo de coisas boas que você lembrar, não importa se são coisas simples ou relevantes, coisas que lhe remetem a alegria e gratidão.

    Pontos negativos: Talvez você não queira pensar neles, talvez você pense até mais do que nos pontos positivos… O que digo para você e para mim também, é que é preciso pensar neles nessa avaliação: não muito e não pouco – apenas o suficiente para refletirmos o que aprendemos ou vamos aprender com eles. Liste as coisas ruins do seu ano e mantenha seu sentimento focado na superação: pense que você suportou, passou, venceu! Após listá-los, anote na frente (ou só pense) no lado bom desse ocorrido e em qual lição/lições você tira para sua vida.

    Pontos de melhoria: São situações que aconteceram que você pretende manter em 2017, mas que você pode melhorar. Coisas que você fez e que pode fazer melhorando cada vez mais. Ou coisas que você fez que não deram certo ainda, mas que você vai corrigir a rota e fazer novamente. Pense em situações que lhe tragam sentimento de melhoria contínua e de perseverança.

    Pontos positivos, negativos e de melhoria analisados agora é hora de colocar na balança: 2016 foi bom ou foi ruim? Por quê? E o que você pode fazer em 2017 para mudar essa situação?

    Note que só você pode fazer algo para mudar seu ano de 2017, para mudar sua vida. Por mais que estejamos vivendo um momento difícil em nosso país do ponto de vista político e econômico, eu só posso mudar aquilo que depende de mim!

    Algo que eu aprendi ao longo de minha vida é que a dor é inevitável, o sofrimento é opcional. O que quero dizer, dentro do contexto é que a nossa atitude diante dos fatos faz toda a diferença. Não podemos mudar os fatos, mas podemos mudar nosso comportamento diante deles. Só você pode mudar e melhorar sua vida, ninguém pode fazer isso por você…

    E quanto ao ano de 2017? Só temos desejos bons, não é? Eu amo essa ideia de renovação do tempo, não é incrível? Quando você faz a avaliação do período fechado (2016) já começa a imaginar como será o período seguinte (2017). Porém, desejar muitas coisas para o ano novo sem transformar esses desejos em objetivos e metas pode ficar só no desejo e pode trazer frustração. É por isso que aqui no blog eu “bato na tecla” na questão de fazer planejamento do ano seguinte em outra época do ano corrente, e não apenas em dezembro. Mas, se você, assim como muitos brasileiros, gosta de fazer seu planejamento do ano seguinte em dezembro, tudo bem! Desde que transforme seus desejos de ano novo em metas… e sobre isso falaremos mais em posts seguintes!

    Enquanto aguarda o post seguinte, tem outros posts sobre metas aqui no blog, caso queira dar uma olhadinha.  😉 

    Quanto ao meu ano de 2016, compartilho que avalio como positivo! Graças a Deus teve mais pontos positivos do que negativos e, se Ele quiser e eu fizer minha parte, vou manter os pontos que posso melhorar em 2017.

    E que 2017 seja um ano melhor que 2016 para todos nós: para você leitor, para mim e para todo mundooooo! 

    Não estou despedindo não, tá? Tem mais post aí… diferente do ano passado não vai ter férias no blog desta vez… melhoria contínua! 😎 

    Me conte nos comentários se você já avaliou seu ano de 2016 e se você tem algum método de avaliação para compartilhar conosco.

    Até mais!

    Share Button

    Deixe uma resposta