• Vida Financeira
  • Como fazer economias

    Imagem
    Imagem

    Continuando a aprofundar dica por dica do post Administrando Finanças Pessoais, já na reta final, passemos à dica n° 8: Faça economias

    “Economizar é a melhor forma de juntar um valor para comprar algo que você deseja ou fazer uma viagem, por exemplo. Vale cofrinho, vale colocar na poupança o que sobrou de sua renda após você ter pago suas contas do mês, vale guardar uma renda extra como um bônus, vale colocar meta, que inclusive é uma outra dica. Ganhar dinheiro é bom, gastar dinheiro é bom e economizar também é bom!”

    Economizar é bom, pode parecer difícil até você criar o hábito. E para criar o hábito é preciso começar e depois continuar com disciplina e perseverança, focando no seu objetivo. Qual é o seu objetivo? O que você deseja comprar e quanto custa? Já pensou em criar uma estratégia par juntar esse valor? Hoje vamos falar de duas estratégias super simples e que qualquer pessoa, mesmo que tenha pouca renda pode utilizar.

    Cofrinho

    Existem várias formas de fazer economias, ou seja, juntar um valor para um determinado fim. Uma delas é juntar moedas num cofrinho, uma das poucas orientações financeiras que aprendemos ainda na infância. Quem nunca fez um cofrinho quando criança? A ideia é simples, e como sempre digo, é o simples que funciona. Basta depositar no cofrinho suas moedas durante um tempo determinado e só abrir quando esse tempo chegar ao fim. Ou, independentemente do tempo, abrir quando o cofre estiver totalmente cheio. É incrível o quanto é bom contar as moedinhas e usar o valor para comprar algo que queremos! Também é legal quando você precisa de uma grana extra e lembra-se que pode usar o valor do cofrinho.  A dica é clichê, mais muitas pessoas não tem esse hábito. Se você não tem um cofrinho pode providenciar o seu imediatamente!

    Poupança

    Há quem diga que não coloca dinheiro na poupança porque rende muito pouco. De fato, rende pouco, mas rende! e antes render pouco do que não render nada, não é verdade? E mesmo que não rendesse nada, só o fato de guardar o dinheiro nos ajuda a economizar, pois, se o dinheiro não estiver guardado acabamos gastando. Já diz o ditado que “dinheiro na mão é vendaval”. Você pode usar o mesmo princípio do cofrinho, porém com valores maiores: se quando você tem uma moedinha deposita no cofre, quando você tem um valor deposita na poupança. Para que você tenha disciplina, sugiro que você crie o compromisso de depositar um valor fixo todo mês, como se fosse uma mensalidade de uma conta a pagar. Quando você fizer o orçamento do mês que já vimos em dicas anteriores aqui no blog, inclua a “conta” depósito mensal da poupança. Ao criar o hábito você nem sentirá falta deste valor. O montante que você juntar na poupança, pode usar para comprar algo que você queira, pagar um curso ou realizar uma viagem, por exemplo. Ou pode, assim como no caso do cofrinho, contar com essa grana extra, como uma reserva financeira para possíveis emergências. Se você não tem poupança, procure o banco de sua preferência, informe-se do valor mínimo do depósito inicial exigido por seu banco preferido e abra sua caderneta de poupança! Tenho certeza que vai se empolgar quando o ver que o valor está rendendo e que está economizando um valor que gastaria se tivesse em mãos!

    Outras formas de economizar:

    Em tempos de crise principalmente, muito temos ouvido sobre economizar, não apenas no sentido de juntar dinheiro, mas também no sentido de não gastar mesmo. E não é só o dinheiro que precisamos de economizar (não gastar) em tempos de crise. Precisamos economizar principalmente água e energia elétrica para contribuir com o meio ambiente. Quantas coisas desperdiçamos e que poderíamos economizar? Se tem algo que refleti nesse tempo de crise é que podemos viver com menos… tenho refletido muito sobre consumismo e minimalismo, sobre necessidades e desejos. A gente, de modo geral, consome mais do que precisa… Mas quem sabe não temos assunto para um novo post?

    Então, além de juntar dinheiro, outras formas de economizar são: não gastar dinheiro, economizar principalmente água e energia elétrica através do consumo consciente que vale para alimentos, roupas, calçados e tudo mais que consumimos, evitando acúmulos e desperdícios desnecessários.

    E você, costuma economizar?

    Até mais!

     

     

     

     

     

     

     

    Share Button

    Deixe uma resposta